#

← scroll down

Que música é esta? Google já descobre se assobiar ou cantarolar para o smartphone

Notícia publicada no Pplware a 16 de Outubro de 2020.

A Google está constantemente a melhorar e a reforçar o seu serviço de pesquisa. Há muito que deixou de ser um simples procura por termos ou palavras para ser agora muito mais, com informação útil e ferramentas diretas e úteis.

Há já muito tempo que podemos pedir para identificar uma música, devendo esta ser escutada e depois procurada. Agora esta pesquisa deu um salto para ficar ainda melhor. Já podemos descobrir a música que temos na cabeça, bastando assobiar ou cantarolar para que esta seja de imediato reconhecida.

 

Pesquisa da Google acaba de ficar melhor

O recurso à inteligência artificial tem dado à pesquisa da Google muitas ferramentas úteis. Consegue assim torna-se melhor e com muitas mais capacidades, complementando muitas vezes o que os utilizadores não fornecem nas pesquisas.

Agora, e como complemento a tudo o que já oferece, a Google permite tem uma novidade. Vai finalmente permitir que seja pesquisada música com o simples assobiar ou cantar da melodia da mesma. Será reconhecida e depois apresentada ao utilizador.

Basta cantar ou assobiar a música

Esta nova pesquisa está disponível tanto na página da Google como no próprio assistente da Google. No primeiro caso basta clicar no microfone e escolher pesquisar uma música. No segundo, basta dizer pesquisar uma música. Nos dois casos, esta deve depois ser cantarolada.

Após este passo essencial a Google irá traduzir o que ouviu para algo que possa pesquisar nos seus arquivos. O resultado final será uma lista de canções que se aproximam do que o utilizador cantarolou ou assobiou para o smartphone.

 

Já pode ser usado em qualquer smartphone

Esta novidade está já disponível para ser usada tanto no Android como no iOS. Neste último está apenas disponível em inglês, ao passo que nos smartphones com o sistema da Google pode ser usado em mais de 20 idiomas, entre eles o português.

Segundo a Google, a forma de conseguir esta novidade passou por traduzir as melodias em sequências numéricas. Agora, precisa apenas de converter o que ouve para estas sequências e assim procurar uma correspondência.

codefive